segunda-feira, 3 de abril de 2017

Você falaria com alguém igual a você mesmo, caso você não fosse crente?

Responda com sinceridade: você falaria com alguém igual a você mesmo, caso você não fosse crente? Você se considera uma pessoa agradável ou acessível aos que estão ao seu redor e que ainda não servem a Deus? Há muitos que são destaques em suas igrejas, mas fora daquele círculo não causam admiração alguma, pois são amargas, fofoqueiras, maldizentes...

São indivíduos que, não obstante falarem o tempo todo da Bíblia, não agregam nada à causa do Evangelho, pois não atraem ninguém para Deus, só as afastam através do seu comportamento. Tornaram-se repelentes naturais anti-salvação: não entram no céu, e ainda atrapalham aqueles que desejam entrar. Usando o nome de Jesus, pregam doutrinas de homens; prometendo o paraíso no céu, tornam a vida dos outros um inferno na Terra, sendo pessoas inconvenientes, dadas a ditar lições de Moral a quem não as solicitou.

Olhe para você mesmo e veja que tipo de testemunho você tem dado do Evangelho: você tem somado ou diminuído? Está anunciando a Graça, ou fazendo as boas novas da salvação parecerem uma desgraça? Parodiando João 20:27: "não sejas chato, mas crente", rsrs.